Pages

Sonhos não foram feitos para serem fáceis.

Quando eu decidi ir embora ainda era dia, mesmo de olhos fechados ouvia a tua voz, você gritava comigo, você sempre resolveu tudo no grito. Eu me senti tão alta, tão fora de mim depois do que eu fiz que nada mais parecia ser real, eu devia esta sonhando outra fez. Eu vi o vovô me chamando, só que você também falava comigo, gritava tão alto: “quantos você tomou!?” você sabia que eu não sabia a resposta, só sabia que havia me livrado daquelas drogas por mim, por você.

Só em pensar que sempre me importei com alguém que não deu a minima para os sonhos que um dia eu tive, já tenho enjoos, acho que preciso vomitar outra fez. Sabe, eu nunca lhe contei o que fico fazendo na frente desta tela todas as noite, eu me escondo, fujo de todos, da pressão. Sabe, essa mesma pressão, essa voz que me empurrou pra isso.

Quando comecei era dia, eu gritei, eu explodi, eu senti raiva, eu pensei em matar, depois achei melhor morrer, mais não tenho coragem. Já lhe contei que agora vendem coragem em farmácias mamãe ? Pois é, comprei um pouco pra mim, e quando tomei ainda era dia, quando acordei já era noite. Eu estava em um lugar branco, eles estavam olhando pra mim, eu vi você chorar e chorei. Nunca foi pra atingir você, mais sabe eu tenho direito a ter medo, medo de viver.

Fiquei horas perguntando sobre as horas pra você. Acho que o assunto, assim como diversas coisa decidiram ficar do lado de fora daquele lugar. Acho que deveria contar sobre meus sonhos pra você, mais não entenderia, não esta me entendendo agora, voltou a gritar. Sinto o medo e a pressão outra vez. Só não me obrigue a voltar ao mesmo final, porque da próxima fez eu acerto a doce.

(12.01.11 -ainda meio tonta quanto a hora, mais ta escuro)

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS
Read Comments

2 comentários:

Gabbi *-* disse...

Titia... Tô muito impressionada com esses textos! Mais do que eu já era..! XD Te segui tá!? Agora... segue o meu tbm? http://blogdagabyzinhazinha.blogspot.com/
Bjo da Subrinha Gáfah : *

Caroline disse...

Não sei ainda se amo ou se me assusta esse texto. Fiquei dois dias no hospital, logo que sai eu escrevi, por isso não me lembro bem da hora. Volta e meia dou uma lida nele, faz eu me sentir mal, por ter feito isso, mais bem tbm, por ta aqui e ver que nem eu mesma posso mais me derrubar. Ah, esse é tão verdadeiro como o sol dessa merda de verão.

Postar um comentário